Associação Brasileira dos Jornalistas

Seja um associado da ABJ. Há 12 anos lutando pelos jornalistas

A hora da adaptação

Crise climática põe em risco a segurança alimentar, mas técnicas de manejo de solo e estudo de cultivares resistentes podem ajudar a evitar o pior.

As mudanças climáticas representam um risco para a produção global de alimentos, seja por eventos extremos, como secas e inundações, seja pelo aumento da temperatura, que pode inviabilizar o desenvolvimento de grãos em determinadas áreas, obrigando culturas a mudarem de lugar e o desenvolvimento de cultivares mais resistentes. O recente desastre ambiental no Rio Grande do Sul mostra que o clima extremo além de provocar perdas humanas e materiais, tem impactos em toda a economia. As perdas agrícolas no Estado já somam R$ 2,7 bilhões, segundo a Confederação Nacional dos Municípios, e devem levar a uma queda de 0,2 a 0,3 ponto percentual do Produto Interno Bruto (PIB) do país em 2024, de acordo com projeção do Bradesco.

CONTINUE LENDO AQUI:

https://valor.globo.com/publicacoes/especiais/meio-ambiente/noticia/2024/06/05/a-hora-da-adaptacao.ghtml