Associação Brasileira dos Jornalistas

capa14anos

Ataques israelenses no sul de Gaza fazem Brasil deslocar palestinos para cidade de Rafah, fronteira com o Egito

Ao menos 74 pessoas foram deslocadas de Khan Yunis para Rafah. Até o momento, 102 palestinos manifestaram desejo de deixar a região.

Os recentes bombardeios de Israel no sul da Faixa de Gaza têm impactado diretamente a comunidade brasileira e seus familiares na região de Khan Yunis, que agora busca abrigos em outras áreas que ao largo do conflito entre as tropas israelenses e o grupo palestino Hamas.

Segundo a coluna da jornalista Mônica Bergamo, da Folha de S. Paulo, “o grupo de brasileiros e familiares, de 74 pessoas, está agora concentrado em Rafah, cidade que fica na fronteira com o Egito. Eles aguardam a possibilidade de sair de Gaza, como já ocorreu com outros 34 palestinos que tinham nacionalidade brasileira e que foram repatriados em novembro. A embaixada do Brasil na Palestina alugou quatro casas para que pudesse abrigar todas as pessoas”.

Ainda de acordo com a reportagem, a lista de pessoas buscando evacuação cresceu após os recentes ataques, com 102 palestinos manifestando ao governo brasileiro o desejo de deixar Gaza. Mesmo diante dos apelos da embaixada para se deslocarem para Rafah por razões de segurança, alguns preferem permanecer onde estão, arriscando suas vidas ao lado de suas famílias palestinas.

Muitos dos evacuados já haviam se deslocado do norte para o sul do território, seguindo orientações iniciais de segurança divulgadas pelas Forças de Defesa de Israel (IDF).

FONTE:

https://www.brasil247.com/mundo/ataques-israelenses-no-sul-de-gaza-fazem-brasil-deslocar-palestinos-para-cidade-de-rafah-fronteira-com-o-egito