Associação Brasileira dos Jornalistas

capa14anos

Brasil tem em 2023 a inflação mais baixa dos últimos quatro anos

Projetada para encerrar o ano em 4,46%, a inflação deverá retornar ao intervalo definido pela meta do Conselho Monetário Nacional (CMN), situado entre 3,25% e 4,75%.

Analistas consultados pelo Banco Central para o Boletim Focus divulgado nesta terça-feira (26) projetaram o encerramento de 2023 com uma inflação de 4,46% no ano. Com isso, o país deverá registrar a inflação mais baixa em quatro anos. O patamar de 4,46% representa a menor taxa anual desde 2019, apontando para um cenário de estabilidade econômica no país.

Neste ano, portanto, a inflação deverá retornar ao intervalo definido pela meta do Conselho Monetário Nacional (CMN), situado entre 3,25% e 4,75%, com uma margem de tolerância de 1,5 ponto percentual para mais ou menos. De acordo com o Banco Central, a probabilidade de descumprimento dessa meta em 2023 diminuiu para apenas 17%, em comparação aos 67% registrados em setembro.

O Relatório Focus, que compila estatísticas com base nas expectativas de mercado, revela uma melhora nas projeções para 2024, com a previsão da inflação reduzindo para 3,91%, ante os 4,49% estimados anteriormente.  Além disso, o boletim sinaliza uma revisão para baixo nas expectativas de câmbio e a primeira queda da taxa Selic para o ano de 2024. No que diz respeito ao câmbio, a expectativa é de uma redução do dólar para os anos de 2023, 2025 e 2026, com valores respectivos de R$ 4,90, R$ 5,05 e R$ 5,10. Já para a taxa Selic de 2024, o mercado projeta uma redução para 9%, após permanecer em 9,25% no último trimestre.

FONTE:

https://www.brasil247.com/economia/brasil-tem-em-2023-a-inflacao-mais-baixa-dos-ultimos-quatro-anos