Associação Brasileira dos Jornalistas

capa14anos

Como funciona o software espião de Israel utilizado pela Abin de Ramagem

O software, chamado First Mile, é produzido pela empresa israelense Cognyte.

O sistema de geolocalização utilizado pela Abin durante o governo Jair Bolsonaro é um software intrusivo na infraestrutura crítica de telefonia brasileira. A rede de telefonia teria sido invadida reiteradas vezes, com a utilização do serviço adquirido com recursos públicos.

O software, chamado First Mile, é produzido pela empresa israelense Cognyte e permite rastrear a localização de uma pessoa a partir de dados transferidos entre seu celular e torres de telecomunicações, e seria capaz de permitir o acompanhamento de até 10 mil pessoas por 12 meses.

Ao inserir o número de celular da pessoa a ser monitorada, o aplicativo é capaz de identificar sua localização aproximada. Além disso, o programa registra o histórico de deslocamentos e oferece a possibilidade de criar “alertas em tempo real” para acompanhar a movimentação de alvos em diferentes endereços.

Foi adquirido por R$ 5,7 milhões da empresa israelense Cognyte, no final do governo Michel Temer (MDB), através de um processo de compra sem licitação. Os dados eram armazenados fora do país, em Israel.

Servidores da Polícia Federal (PF), entre eles o delegado da PF e deputado federal Alexandre Ramagem (PL-RJ), são suspeitos de usar o programa, para monitorar, ilegalmente, autoridades públicas e cidadãos comuns. A Polícia Federal cumpriu, nesta quinta-feira (25), mandados de busca e apreensão em endereços ligados ao deputado Ramagem, na Operação Vigilância Aproximada. (Com informações da Reuters).

FONTE:

https://www.brasil247.com/brasil/como-funciona-o-software-espiao-de-israel-utilizado-pela-abin-de-ramagem-qy4yerke?tbref=hp