Associação Brasileira dos Jornalistas

Seja um associado da ABJ. Há 12 anos lutando pelos jornalistas

IBGE: 9,3 milhões de brasileiros são analfabetos, 5,4% da população

Ainda segundo a Pnad sobre educação, 46% da população com mais de 25 anos não concluiu o ensino básico.

Dados da Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios (Pnad) sobre a situação educacional no Brasil, divulgados nesta sexta-feira (22) pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) e pelo jornal O Globo, revelam que o país ainda enfrenta desafios significativos no combate ao analfabetismo. De acordo com o levantamento, realizado em 2023, o Brasil conta com 9,3 milhões de analfabetos, sendo que a maioria expressiva, 8,3 milhões, tem mais de 40 anos.

A metodologia da pesquisa consiste em indagar aos entrevistados se são capazes de escrever um bilhete simples. Aqueles que respondem negativamente são categorizados como analfabetos. Esse contingente representa 5,4% da população brasileira, indicando uma leve redução em comparação com o ano anterior, quando a taxa era de 5,6%. Entre os jovens na faixa etária de 15 a 17 anos, o número de analfabetos é de 50 mil pessoas, o que reflete os avanços na universalização da educação básica. No entanto, a persistência de um grande contingente de analfabetos acima dos 40 anos destaca os desafios enfrentados pelas políticas de Educação de Jovens e Adultos (EJA).

Além dos analfabetos, a pesquisa também aponta que 46% da população com mais de 25 anos não concluiu a educação básica. Esse grupo representa um público potencial para os programas de EJA.

Entretanto, os investimentos nessa política têm diminuído ao longo dos anos. Em 2014, por exemplo, os investimentos alcançaram R$ 820 milhões. Já em 2021, esse valor chegou ao seu ponto mais baixo do século XXI, totalizando apenas R$ 6 milhões. Como resultado, a EJA registrou uma perda de meio milhão de estudantes entre 2018 e 2021, com uma nova queda no número de matrículas entre 2022 e 2023, desta vez de 7%.

FONTE:

https://www.brasil247.com/brasil/ibge-9-3-milhoes-de-brasileiros-sao-analfabetos-5-4-da-populacao