Associação Brasileira dos Jornalistas

capa14anos

Inflação deve superar 200% ao ano já nos primeiros meses de governo Milei e pode sair do controle

Estimativa é do economista Fábio Giambiagi, que atua na FGV.

O economista Fabio Giambiagi, associado ao Instituto Brasileiro de Economia da Fundação Getulio Vargas (FGV-Ibre), expressou preocupação com a economia argentina sob a nova administração de Javier Milei. Giambiagi, que tem laços profundos com a Argentina, onde passou parte de sua infância, analisou os desafios econômicos que o país enfrenta, particularmente em relação às promessas de Milei de dolarizar a economia e eliminar o Banco Central local. Ele destacou a possibilidade de uma inflação superior a 200% ao ano nos próximos meses, em entrevista ao Estado de S. Paulo.

Giambiagi questionou as estratégias do governo Milei para combater o déficit público, um problema amplamente reconhecido na Argentina. Ele apontou para a necessidade de desindexação além do ajuste fiscal, um passo que ele acredita estar sendo negligenciado. O economista também expressou preocupação com a dinâmica inflacionária e a possibilidade de a situação sair do controle, alimentando uma “profecia autocumprida” de inflação crescente.

Durante sua posse, Milei alertou que a economia poderia piorar antes de melhorar, um reconhecimento que Giambiagi considera incomum para um presidente. Ele questiona a eficácia dessa abordagem e se isso poderá manter o capital político de Milei durante um período economicamente turbulento.

FONTE:

https://www.brasil247.com/americalatina/inflacao-deve-superar-200-ao-ano-ja-nos-primeiros-meses-de-governo-milei-e-pode-sair-do-controle