Associação Brasileira dos Jornalistas

capa14anos

Irã diz que Guardas Revolucionários atacam ‘quartel-general da espionagem’ de Israel no Iraque

Os ataques ocorrem em meio a preocupações sobre a escalada da guerra no Oriente Médio.

A Guarda Revolucionária do Irã disse ter atacado o “quartel-general da espionagem” de Israel na região semiautônoma do Curdistão iraquiano, relatou a mídia estatal na noite de segunda-feira (15), enquanto a força de elite disse que também atacou na Síria contra o Estado Islâmico, informa a Reuters.

Os ataques ocorrem em meio a preocupações sobre a escalada de um conflito que se espalhou pelo Oriente Médio desde que a guerra entre Israel e os palestinos entrou em nova fase em 7 de outubro do ano passado.

“Em resposta às recentes atrocidades do regime sionista, que causou a morte de comandantes da Guarda e do Eixo da Resistência… um dos principais quartéis-generais de espionagem do Mossad na região do Curdistão iraquiano foi destruído com mísseis balísticos”, disseram os Guardas Revolucionários.

A Reuters não pôde verificar o relatório de forma independente. Autoridades do governo israelense não foram contatadas para comentários imediatos.

O Irã prometeu vingança pelo assassinato de três membros da Guarda na Síria no mês passado, incluindo um comandante, que serviu como conselheiro militar no país.

“Garantimos à nossa nação que as operações ofensivas da Guarda continuarão até vingar as últimas gotas de sangue dos mártires”, disse o comunicado da Guarda.

Além dos ataques a nordeste da capital do Curdistão, Erbil, numa área residencial perto do consulado dos EUA, os Guardas disseram que “dispararam uma série de mísseis balísticos na Síria e destruíram os autores de operações terroristas” no Irã, incluindo o Estado Islâmico.

A Reuters não pôde verificar o relatório de forma independente.

FONTE:

https://www.brasil247.com/mundo/ira-diz-que-guardas-revolucionarios-atacam-quartel-general-da-espionagem-de-israel-no-iraque?tbref=hp