Associação Brasileira dos Jornalistas

Seja um associado da ABJ. Há 12 anos lutando pelos jornalistas (2)
Julian Assange tem duas importantes vitórias. Por que mídia comercial omite os fatos?

Julian Assange tem duas importantes vitórias. Por que mídia comercial omite os fatos?

Silêncio ensurdecedor com perseguição ao fundador do WikiLeaks desautoriza imprensa a tratar de qualquer assunto relacionado à liberdade de expressão.

Na segunda-feira (3), a Justiça do Reino Unido resolveu não extraditar Julian Assange para os Estados Unidos.  Ato contínuo, o governo do México veio a público para oferecer asilo político ao jornalista australiano criador do WikiLeaks, o que foi anunciado numa entrevista coletiva do presidente Lopez Obrador.

Há 10 anos Assange está fora de circulação. Primeiro, refugiado na embaixada do Equador em Londres desde 2012. Depois, de 2019 até agora, encarcerado numa prisão britânica. Isso tudo, devido às pressões do governo estadunidense. Se fosse extraditado para os Estados Unidos, o jornalista poderia ser condenado a penas que, somadas, alcançariam 175 anos de prisão – ou seja, ficaria em prisão perpétua

Parece absurdo. E é

A decisão anunciada pelo presidente mexicano vai ao encontro da antiga tradição de seu país de dar asilo a perseguidos políticos. Já depois da Guerra Civil Espanhola (1936-1939), que produziu mais de 200 mil refugiados políticos, devido às perseguições que os franco fascistas promoveram em larga escala contra apoiadores da República, o México foi um dos principais destinos dos atingidos.

O próprio Leon Trotsky, um dos líderes da Revolução Russa de 1917, estava asilado naquele país quando foi assassinado por um agente da polícia política de Josef Stalin, em 1940.

CONTINUE LENDO AQUI:

https://dialogosdosul.operamundi.uol.com.br/direitos-humanos/72794/julian-assange-tem-duas-importantes-vitorias-por-que-midia-comercial-omite-os-fatos