Associação Brasileira dos Jornalistas

Seja um associado da ABJ. Há 12 anos lutando pelos jornalistas

Macron admite que Ucrânia poderá “cair” em breve

Anteriormente, numa coletiva de imprensa Emmanuel Macron disse que os países europeus não deveriam impor limites a si próprios quando falam em ajudar a Ucrânia.

O presidente francês, Emmanuel Macron, acredita que a queda da Ucrânia é iminente, afirma a edição europeia do Politico, referindo-se às suas fontes.

Segundo o jornal, na quarta-feira (20) Macron realizou um evento político no Palácio do Eliseu, onde foram discutidas, entre outras coisas, as próximas eleições para o Parlamento Europeu.

“A Ucrânia pode cair muito rapidamente”, disse Macron durante o evento, conforme transmitido ao jornal por um participante do encontro.

Anteriormente, numa conferência de imprensa com o presidente checo Petr Pavel, Macron disse que os países europeus não deveriam impor limites a si próprios quando falam em ajudar a Ucrânia a impedir a propagação do sentimento derrotista. Neste contexto, Macron enfatizou a importância de garantir ajuda militar à Ucrânia e manifestou o seu apoio à iniciativa checa de comprar munições de artilharia de países terceiros fora da UE.

Em 26 de Fevereiro, falando após uma conferência sobre a Ucrânia em Paris, Macron não descartou a possibilidade de enviar tropas terrestres ocidentais para a zona da operação militar especial na Ucrânia. Ele também prometeu que os estados ocidentais “fariam o que for necessário” para impedir a vitória da Rússia neste conflito.

FONTE:

https://www.brasil247.com/mundo/macron-admite-que-ucrania-podera-cair-em-breve