Associação Brasileira dos Jornalistas

Seja um associado da ABJ. Há 12 anos lutando pelos jornalistas

Marina Silva: é preciso sair da lógica de gerenciar apenas o desastre

País precisa trabalhar na prevenção e na mitigação das causas que provocam catástrofes como a que o Rio Grande do Sul vive há mais de uma semana.

Em entrevista nesta sexta-feira (10) ao telejornal Repórter Brasil Noite (RBN), da TV Brasil, a ministra do Meio Ambiente, Marina Silva, afirmou que é preciso sair da “lógica de gerenciar apenas a o desastre” e passar a gerenciar ativamente também a “urgência climática”.

Ela afirmou que eventos extremos continuarão ocorrendo, em razão do aquecimento global, e que, por isso, além de prestar socorro às suas vítimas, é preciso trabalhar na prevenção e na mitigação das causas que provocam catástrofes como a que o Rio Grande do Sul vive há mais de uma semana.

“Vamos ter que trabalhar, continuando a mitigar o que leva a esses eventos extremos, que é reduzir a emissão de CO2, reduzir o desmatamento, e fazer a agenda de adaptação, saindo da lógica de gerenciar apenas a o desastre – que é necessário, como estamos fazendo -, para o gerenciamento da urgência climática, tratando medidas de médio e longo prazo para que esses eventos, que vão continuar acontecendo, quando acontecerem, causem o menor prejuízo possível para a vida das pessoas e para as atividades produtivas”, explicou.

FONTE:

https://www.brasil247.com/meioambiente/marina-silva-e-preciso-sair-da-logica-de-gerenciar-apenas-o-desastre