Associação Brasileira dos Jornalistas

capa14anos

Pepe Escobar: EUA precisam da guerra em Gaza para desestabilizar o BRICS e a Grande Eurásia

Ele destacou que esta ação é uma tática diversionista americana para se contrapor à multipolaridade dos BRICS.

De acordo com Pepe Escobar, correspondente internacional analista geopolítico veterano, a administração de Biden necessita de uma vitória israelense em Gaza para minar os BRICS e outras iniciativas de integração econômica lideradas pela Rússia e pela China. Esta informação foi revelada por Escobar no podcast New Rules. O analista destacou que esta ação é uma tática diversionista americana para se contrapor à multipolaridade dos BRICS, especialmente considerando a recente oportunidade de Arábia Saudita e Emirados Árabes Unidos se vincularem ao surgimento da nova Eurásia ao tornarem-se membros dos BRICS.

Durante o encontro do G20 em Nova Delhi, em setembro, os Estados Unidos e Israel apresentaram a iniciativa do Corredor Econômico Índia-Médio Oriente-Europa (IMEC). Escobar explicou que o projeto visa contornar a Iniciativa Cinturão e Rota da China e transformar Israel em um importante centro energético e logístico. Além disso, o Primeiro-Ministro israelense, Benjamin Netanyahu, apresentou na Assembleia Geral da ONU um mapa do “Novo Médio Oriente” sem a Palestina, um ato que, segundo Escobar, não foi acidental.

Apesar das crescentes críticas internacionais às ações do governo israelense em Gaza, Escobar prevê que a administração Biden provavelmente não abandonará a iniciativa IMEC. Ele enfatizou a importância da região da Ásia Ocidental para os Estados Unidos, argumentando que a parceria estratégica Rússia-China, por meio de acordos comerciais e projetos de integração econômica, desafia a dominação americana na Eurásia.

FONTE

https://www.brasil247.com/mundo/pepe-escobar-eua-precisam-da-guerra-em-gaza-para-desestabilizar-o-brics-e-a-grande-eurasia