Associação Brasileira dos Jornalistas

Seja um associado da ABJ. Há 12 anos lutando pelos jornalistas

Rússia nega alegações feitas pelos EUA de que planeja instalar armas nucleares no espaço

Presidente Putin disse que as atividades da Rússia no espaço não diferem das de outros países, incluindo os Estados Unidos.

O presidente Vladimir Putin disse nesta terça-feira que a Rússia é contra a instalação de armas nucleares no espaço e seu ministro da Defesa negou categoricamente as alegações dos Estados Unidos de que a Rússia está desenvolvendo uma capacidade nuclear para o espaço.

Uma fonte não identificada informada sobre o assunto disse à Reuters na semana passada nos EUA que os governo norte-americano tinha novas informações de inteligência relacionadas às capacidades nucleares russas e às tentativas de desenvolver uma arma espacial.

“Nossa posição é clara e transparente: sempre fomos categoricamente contra e agora somos contra a implantação de armas nucleares no espaço”, disse Putin a Sergei Shoigu, seu ministro da Defesa

“Pedimos não apenas o cumprimento de todos os acordos existentes nessa área, mas também nos oferecemos para fortalecer esse trabalho conjunto muitas vezes”, disse Putin.

Ele acrescentou que as atividades da Rússia no espaço não diferem das de outros países, incluindo os Estados Unidos.

Fontes dos EUA sugeriram que a Rússia tinha algum tipo de nova capacidade no espaço, mas havia poucos detalhes e nenhuma evidência foi publicada.

O jornal New York Times informou que a inteligência dos EUA estava relacionada às tentativas da Rússia de desenvolver uma arma nuclear antissatélite baseada no espaço.

Comentando a alegação, Shoigu disse que não havia planos do tipo delineado pelas fontes não identificadas nos Estados Unidos.

“Em primeiro lugar, não existem tais projetos — armas nucleares no espaço. Em segundo lugar, os Estados Unidos sabem que isso não existe”, disse Shoigu a Putin.

Ele acusou a Casa Branca de tentar assustar os parlamentares dos EUA para que alocassem mais fundos para a Ucrânia como parte do plano de Washington para infligir o que ele disse ser uma derrota estratégica para a Rússia.

Ele disse que o segundo motivo para o vazamento de informações sobre a suposta arma russa era incentivar a Rússia a se envolver em um diálogo sobre estabilidade estratégica.

Putin disse que a Rússia nunca foi contra discussões sobre estabilidade estratégica.

FONTE:

https://www.brasil247.com/mundo/russia-nega-alegacoes-feitas-pelos-eua-de-que-planeja-instalar-armas-nucleares-no-espaco?tbref=hp