Associação Brasileira dos Jornalistas

Seja um associado da ABJ. Há 12 anos lutando pelos jornalistas

Rússia rebate acusações sobre armas nucleares no espaço

A Rússia considerou “infundadas” as informações da imprensa americana sobre um projeto de Moscou para colocar armas nucleares no espaço e apontou um “truque” de Washington para conseguir a aprovação da ajuda bloqueada à Ucrânia.

Moscou negou durante semanas que pretendia atacar a Ucrânia, mas iniciou uma grande operação militar em 24 de fevereiro de 2022.

Funcionários de alto escalão do governo americano afirmaram na quarta-feira que os Estados Unidos enfrentam uma nova e “grave” ameaça à segurança nacional. Alguns meios de comunicação afirmaram que a ameaça seria um projeto da Rússia para levar uma arma nuclear anti-satélite ao espaço.

“Repetimos constantemente que não responderemos às inúmeras acusações infundadas. Se eles fazem declarações, deveriam ser acompanhadas de evidências”, afirmou o vice-ministro das Relações Exteriores, Sergei Ryabkov, às agências de notícias russas.

“Isto é parte da tendência da última década, na qual os americanos se dedicam a fantasias maliciosas e nos atribuem todo tipo de ações ou intenções que não lhes convêm”, acrescentou.

O porta-voz do Kremlin, Dmitri Peskov, disse que é um “truque” da Casa Branca para pressionar o Congresso dos Estados Unidos a aprovar um pacote de ajuda de 60 bilhões de dólares para a Ucrânia, bloqueada há vários meses.

“Está claro que a Casa Branca tenta pressionar o Congresso a aprovar a lei de finanças, é evidente. Veremos que truque a Casa Branca utilizará”, disse Peskov.

Segundo o canal ABC e o jornal New York Times, que citaram fontes não identificadas, o suposto projeto russo não passa de uma fase de desenvolvimento e não representa uma ameaça imediata.

FONTE: https://www.msn.com/pt-br/noticias/mundo/r%C3%BAssia-rebate-acusa%C3%A7%C3%B5es-sobre-armas-nucleares-no-espa%C3%A7o/ar-BB1ijUUN?cvid=957887537e444d6e8fe053b335e8c583&ei=18