Associação Brasileira dos Jornalistas

capa14anos

The Economist diz que Brasil volta à “normalidade” com Lula, após “populismo mentiroso” de Bolsonaro

Segundo a revista britânica, o governo Lula rapidamente restabeleceu a normalidade e reduziu o ritmo do desmatamento na Amazônia em quase 50%.

A revista britânica The Economist publicou uma edição especial de fim de ano, que traz uma retrospectiva dos principais fatos políticos e econômicos de 2023. A publicação afirma que o Brasil é um dos destaques positivos do ano que termina, já que esteve ao lado dos “países que defenderam a democracia“.

A publicação traz sua premiação de “País do Ano” de 2023, em que diz que três países se destacaram por voltarem à moderação depois de uma caminhada pelo “lado selvagem”: Grécia, Polônia e o Brasil.

Segunda a tradicional publicação, o presidente Luiz Inácio Lula da Silva tomou posse “após quatro anos de populismo mentiroso sob Jair Bolsonaro, que espalhou teorias conspiratórias divisivas, mimou policiais violentos, apoiou agricultores que incendiaram florestas tropicais, recusou-se a aceitar a derrota eleitoral e encorajou seus devotos para tentar uma insurreição”, se referindo aos atos golpistas de 8 de janeiro deste ano.

Ainda segundo a revista, o governo Lula rapidamente restabeleceu a normalidade e reduziu o ritmo do desmatamento na Amazônia em quase 50%.

A revista, no entanto, diz que o Brasil acabou perdendo o prêmio de “País do Ano”, que ficou com a Grécia, apesar de seu “desempenho impressionante” por considerarem como uma “mancha” a aproximação de Lula de “Putin [presidente da Rússia] e do déspota venezuelano Nicolás Maduro”.

FONTE:

https://www.brasil247.com/midia/the-economist-diz-que-brasil-volta-a-normalidade-com-lula-apos-populismo-mentiroso-de-bolsonaro