Associação Brasileira dos Jornalistas

Seja um associado da ABJ. Há 12 anos lutando pelos jornalistas

Zakharova diz que reação ocidental à morte de Navalny é exemplo de hipocrisia

A porta-voz do Ministério das Relações Exteriores da Rússia enfatizou a necessidade de aguardar os resultados de uma investigação completa.

A porta-voz do Ministério das Relações Exteriores da Rússia, Maria Zakharova, criticou a reação de líderes ocidentais, políticos e mídia à notícia da morte de Alexei Navalny, destacando sua hipocrisia, cinismo e falta de princípios. Zakharova observou que a sequência de acusações “culpar a Rússia em qualquer situação” estava em ação, evidenciada pelo rápido e sincronizado fluxo de declarações de políticos e líderes ocidentais logo após o anúncio da morte de Navalny.

Zakharova detalhou como, em questão de minutos após o comunicado do Serviço Penitenciário Federal da Rússia, uma série de líderes estrangeiros já haviam emitido declarações responsabilizando o governo russo pela morte de Navalny, sem esperar por uma investigação completa dos fatos.

“A cronologia dessas reações mostra uma preparação prévia e uma coordenação evidente”, destacou Zakharova.

Ela mencionou que, em um período de apenas duas horas após o anúncio oficial da morte de Navalny, líderes políticos de países como Suécia, Noruega, Letônia, República Tcheca, França, União Europeia, Ucrânia, Holanda, Moldávia, Alemanha, Estados Unidos e outros já haviam emitido declarações culpando o Kremlin pela morte do ativista russo..

“Essas reações premeditadas e coordenadas só podem ser explicadas pela preparação antecipada desses discursos”, concluiu Zakharova.

A porta-voz do Ministério das Relações Exteriores da Rússia enfatizou a necessidade de aguardar os resultados de uma investigação completa antes de tirar conclusões precipitadas e culpabilizar a Rússia pelo incidente.

FONTE

https://www.brasil247.com/mundo/zakharova-diz-que-reacao-ocidental-a-morte-de-navalny-e-exemplo-de-hipocrisia?tbref=hp